Família Montalvao

Família Montalvao

quarta-feira, julho 12, 2017

SAMBA DO CRIOULO DOIDO


Resultado de imagem para foto a mao que afaga é a mesma que apedreja






 SAMBA DO CRIOULO DOIDO 
O grupo de Anabel e Chaves apoiaram Carleto e Coronel para deputados e eles, para Jeremoabo, nada trouxeram ou defenderam...
Espertamente o grupo de Anabel e Chaves partiram pra cima de Fátima Nunes que ajudou na liberação do empréstimo de 7 milhões e diversas obras e benfeitorias para toda a cidade, inclusive foi a protagonista em trazer o PT que fortaleceu o tempo de rádio para o grupo, o que fez toda diferença na última campanha eleitoral no município..... Aí quando a deputada Fátima Nunes pensava em receber dividendos pelos seus feito, então o grupo lança a especulação de ANABEL PRÉ-CANDIDATA a Deputada Estadual e todos nos ficamos imaginando como fica tudo isso numa panela só... Pensem num angu de areia sendo comido por quem está ao lado do EGOCENTRISMO Cinquentaecincocentrista...
Parece que ANABEL vai mesmo lançar, mais uma vez, o seu nome para SER CANDIDATA, REPITO, SER CANDIDATA, e tentar tomar as chances de Fátima Nunes de ser apoiada pelo grupo 55 nas eleições de 2018. Afirmo isso porque não li nenhuma nota dela negando tal possibilidade, pelo menos até hoje!
Então FÁTIMA NUNES pode ir tirando o cavalo da chuva pois no andar da carruagem você será a próxima a levar um revés dos poderosos endinheirados!
Pergunto: QUE PESTE ESSE POVO ESPERA DO POVO?
Está novela de pisar em quem merece e glorificar quem não tem crédito na sociedade, está longe de acabar, afinal o povo adora uma NOVELA! Tô certo ou estou errado?
Olho grande e menosprezo pelos que amam nossa JEREMOABO, essa é a palavra chave para esses políticos que ai estão, pois na conjunção verbal do 54,9 não existe TU, ELE, NÓS, VÓS e ELES e sim EU e somente EU!
O povo precisa acordar e descobrir que este grupo só olha o povo até sair o voto e depois é chute no glúteo!
Guilherme Silveira

Nota da redação deste Blog - Neste assunto vou ser curto, grosso e sucinto: " A mão que afaga é a mesma que apedreja".: