Família Montalvao

Família Montalvao

segunda-feira, julho 10, 2017

Dessa vez Bob Charles atirou no que viu e matou o que não viu.

Candidatura da ex-prefeita de Jeremoabo a Assembleia é improvável

Escrito por Luiz Brito DRT 3.913
Reprodução
Até aqui, a doce e bela ex-prefeita de Jeremoabo, Anabel de Sá Lima Carvalho (foto) tem se comportado no cargo de maneira exemplar, como Coordenadora de Assuntos Federativos da SERIN. Vamos jogar com a realidade: será muito improvável que consiga decolar a sua pré-candidatura a deputada estadual no próximo ano.  Há quem afirme que o ex-prefeito Tista de Déda, seu esposo, estaria mais propenso em colocar seu nome na disputa. Uma pena! Isso lhe deixa poucos espaços políticos como opção. Até porque ainda não se sabe o que vira da cartola dos advogados em Brasília (DF) em relação ao processo em que Anabel é a principal peça envolvida naquele imbróglio da eleição do ano passado em Jeremoabo. Se conseguir sair ilesa do processo poderá sair candidata uma vaga na Câmara Municipal? Candidata a prefeita novamente em 2020? Ou abandonar a vida política? São os caminhos que restam para a ex-prefeita. Num cenário político em que se catam como agulha no palheiro, figuras íntegras no meio político, a pior das opções seria sair de cena, porque neste contexto se estaria queimando um dos melhores quadros políticos de Jeremoabo.
Nota da redação deste Blog - O Jornalista Bob Charles acrescentou no seu site uma quadro de anedotas com os profissionais da politicagens de Jeremoabo.
Dessa vez a artista principal foi a ex-prefeita Ré, Anabel, onde num quatro de pegadinhas apareceu logo três de vez, sendo que dessa vez e no final foi uma pegadinha verdadeira real, senão vejamos: " Num cenário político em que se catam como agulha no palheiro, figuras íntegras no meio político, a pior das opções seria sair de cena, porque neste contexto se estaria queimando um dos melhores quadros políticos de Jeremoabo."
Nesse parágrafo que grifamos o jornalista fez uma gozação dando uma de inocente, de desentendido ao dizer " Num cenário político em que se catam como agulha no palheiro, figuras íntegras no meio político,".Aqui ele fez de contra que não sabe que a ex-prefeita é Ré por causar danos ao erário público, e também esqueceu que o TCM-BA entrou com representação ao Ministério Público estadual contra essa já Ré, por fraudes e improbidades com o erário público.