Família Montalvao

Família Montalvao

domingo, julho 23, 2017

Prefeitura de Jeremoabo: Uma farra em apenas cinco meses de gestão


Escrito por Luiz Brito DRT 3.913
Ilustração
O gestor provisório do município de Jeremoabo, a 80 KM de Paulo Afonso,  indicado para o cargo pela arrumação que o elegeu presidente da Câmara e por osmose prefeito e seus principais secretários se envolveram na farra das diárias em menos de sete meses à frente da prefeitura. Em apenas cinco meses, o gestor interino já havia embolsado o equivalente a R$ 134.750,00, entre salários e diárias. De janeiro a maio deste ano já foram consumidos dos cofres públicos R$ 567.560 (Quinhentos e sessenta e sete mil, quinhentos e sessenta reais) entre salários e diárias. A justiça vacilou, deveria ter obrigado ao prefeito e seus assessores a devolver o dinheiro da farra das diárias. A certeza de que não ficarão nos cargos após a definição da data da eleição suplementar que dizem sai ainda este ano, pode ter feito com que o prefeito provisório e os secretários tenham ido com muita sede ao pote. 

Nota da redação deste Blog -É uma vergonha para os cidadãos de bem de Jeremoabo, assistirem uma barbaridade dessa partindo de um seu "representante". 
O pior é que o povo assiste uma imoralidade dessa, condena, porém, não tem coragem de denunciar, a salvação será os vereadores da oposição se resolverem comunicar essa aberração ao Ministério Público ou mesmo ao TCM-MA.
Esse povo quando é em proveito próprio esquece tudo que condenou e denunciou.
Spencer mesmo teve contas rejeitadas porque os donos da moralidade e da honestidade denunciaram as diárias que o mesmo recebia quando se deslocava para Salvador.
Só me resta perguntar ao " interino" : E agora José???