Família Montalvao

Família Montalvao

quarta-feira, julho 26, 2017

Podridão e improbidades explicitas e a cores no (des)governo do "interino.




Hoje inicio esse meu comentário apresentando uma sugestão aos Vereadores Jairo do Sertão, Ivande e. todo pessoal que compõe " Conexão Verdade".

PARA REFLETIR: "Nunca discuta com um idiota, ele te rebaixa ao nível dele e vence pela experiência."

O programa Conexão Verdade de hoje foi divido em duas partes, onde uma não gostei e condeno. 
Gostei dos comentários e denúncias dos Vereadores Jairo do Sertão e do Vereador Ivande.
 Não gostei quando perderam tempo ao responderem as acusações esdruxulas, improcedentes, chulas, sem nexo que não leva a nada,  só faz rebaixar o nível do programa, estou referindo-me ao tempo perdido em contestar o inexistente, as palavras do ex-padre Moura.
Mais producente e que calaria logo esse improbo. era se os vereadores Jairo do Sertão e Ivande, respaldado no cargo que ocupa, desse logo um  " nocaute", no ex-padre e procurador da prefeitura, o Moura, entrassem com uma Representação perante o Ministério Público, para que ele fosse responsabilizado por receber de forma ilegal, todo o pagamento que recebe concernente ao Cargo de Procurador Municipal, desde o dia que assumiu a função até os dias de hoje.
Qualquer racional é sabedor que um individuo não pode estar em dois lugares ao mesmo tempo.
Então pergunto, como o ex-padre Moura pode receber dinheiro da prefeitura por seu cargo, e ao mesmo tempo em horário de expediente estar fazendo serviço particular no foro de Jeremoabo?
Qual a credibilidade que esse individuo tem para usar um horário de radio para falar em moralidade e honestidade?
Dito isso vamos ao que interessa.
Se na interinidade, e em tão pouco tempo, o "des)governo  "interino" já cometeu ilegalidades, que já está igualando aos seus antecessores que passaram quatro ou mais anos, o que é de esperar se a população de Jeremoabo surtar e eleger o mesmo como prefeito?
Resultado de imagem para fotos fantasma da prefeitura

A denuncia que os vereadores Jairo do Sertão e professor Ivande  levaram ao conhecimento dos cidadãos de Jeremoabo, que pagam honestamente seus impostos, for oficializada ao Ministério Público, no mínimo dará perda de mandato e cadeia, com coisa muito menor o ex-prefeito "tista de deda" foi condenado a mais de 05(cinco)anos de reclusão.
Ainda a respeito da denuncia dos vereadores, o "interino" acha pouco as ilicitudes com o nepotismo, as diárias e os contratos, ainda trás gente de fora para  dar curso Pós Graduação em improbidade, ou seja, recebendo da viúva ele R$ 6.000,00(seis mil reais)fora as celebres diárias, mais R$ 10.000,00(dez mil reais) do salário da esposa, portanto, totalizando mais de R$ 16.000,00(dezesseis mil reais), segundo suposição dos vereadores com dupla ilegalidade, uma por exercer um cargo arranjado, suposta "fantasma".