Família Montalvao

Família Montalvao

domingo, julho 23, 2017

Os desmandos do "interino" estão mais conhecidos do que a propaganda da " Coca-Cola"


Prefeito afronta MP e mantém parentes empregados

Escrito por Luiz Brito DRT 3,913
AC, dep Federal. Ronaldo Carletto e o ex-secretário Alexei Vinícius.
AC, dep Federal. Ronaldo Carletto e o ex-secretário Alexei Vinícius.
Depois de prometer, em junho passado, demitir todos os comissionados que têm cargo na Prefeitura cumprindo orientação da Justiça,  o prefeito provisório de Jeremoabo AC, decidiu voltar atrás e afrontar a Câmara de Vereadores e o MP, ao nomear tres ex-servidores para o Hospital da cidade, embora sem nenhuma remuneração como preconiza a portaria assinada pelo gestor. Mesmo tendo sido orientado a demitir todos os cargos comissionados, ele ainda mantém no quadro efetivo da prefeitura alguns ocupantes de cargos comissionados, de função de confiança ou de função gratificada na administração municipal que detenham relação de parentesco consanguíneo, em linha direta ou colateral, ou por afinidade até o terceiro grau, com o prefeito, os secretários municipais, o chefe de gabinete e vereadores. O seu filho Abel Lima Chaves, que atua na secretaria de finanças e a Secretária de Assistência Social e Cidadania, Lilian Symaia, filha do secretário Pedro Son, são dois exemplos. A recomendação da Justiça tem o objetivo de combater a prática de nepotismo por parte da administração do prefeito provisório AC.  Caso a recomendação não seja atendida, o Ministério Público (MPBA) adotará as medidas legais necessárias, com ajuizamento de ação civil pública por prática de improbidade administrativa. O município de Jeremoabo, com cerca de 42 mil habitantes e distante a 400 quilômetros da capital, Salvador, está localizado na Região norte do Estado.


Jeremoabo: Lentidão no STF favorece o interino AC

Escrito por Luiz Brito DRT 3.913
Reprodução
Prefeito provisório de Jeremoabo, AC.
Prefeito provisório de Jeremoabo, AC.
A doce e meiga ex-prefeita de Jeremoabo, Anabel de Sá Lima Carvalho sabe que não vai lograr êxito na sua vã tentativa de reverter o quadro em relação ao processo que dorme em berço esplêndido em Brasília, com a benevolência do senador baiano Otto Alencar (PSD). Se de fato o quadro lhe fosse benéfico já teria sido julgado. É público e notório que a demora na votação é simplesmente para dar tempo ao tempo de o prefeito provisório tentar criar uma identidade com os eleitores para projetar a sua imagem. No cenário atual o prefeito provisório pode transformar água em vinho que não vai influenciar em nada a opinião do eleitor


Revoltante

Escrito por Luiz Brito DRT 3.913
Reprodução
“Para se manter no poder, AC amplia o balcão das negociações fisiológicas como essa contratação de advogados.  “É uma farra, um escárnio. O dinheiro gasto com advogados para defender o indefensável, poderia ter sido aplicado na saúde e educação”.
Quem manda
Em casa que todos mandam, ninguém varre o chão. A corda já está esticada ao máximo e não voltará mais à posição inicial. Enquanto isso a oposição está forte e cresce na sombra do descalabro do governo AC.
Personalismo
Se o candidato natural da oposição, o empresário Derí do Paloma (PP) evita o personalismo em suas ações o mesmo não ocorre com alguns companheiros do prefeito provisório, AC, inclusive o próprio.  Cada um puxa a brasa para sua sardinha e o resto que se exploda.