Família Montalvao

Família Montalvao

quarta-feira, julho 05, 2017

A ONG-Transparência Jeremoabo vem dizer que terrorismo é roubar o dinheiro do povo.

Resultado de imagem para foto os corruptos

Venho através do presente e na qualidade de vice-presidente da ONG-Transparência Jeremoabo, repudiar as desastrosas e irresponsável afirmativa de Moura e Alexandre vulgo Lequinho, ao afirmarem numa emissora de rádio local, que esta ONG através do Programa "Conexão Verdade" estaria implantando o terrorismo em Jeremoabo contra  a administração Municipal.
A ONG-Transparência Jeremoabo tem o  prazer de informar que desde a sua fundação e instalação em Jeremoabo vem combatendo os desonestos, bandidos, marginais. Marginal é quem vive à margem da lei, esse tem que ser investigado e punido. O homem de bem não teme imprensa, não teme polícia, não teme investigação, não teme Justiça. O homem de bem bota a cabeça no travesseiro e dorme”.
Quem rouba milhões, mata milhões, afirmou  Dallagnol.
O terrorista que há em nós fala em democracia para o público carente que vocês enganam, fala em ética e proclama que é pecado roubar
Em Jeremoabo estamos sofrendo o reflexo de políticas erradas, de homens gananciosos e de corações torpes que dizimam milhares de pessoas, expostas diariamente em locais insalubres, com alto índices de doenças infecto-contagiosa, valas a céu aberto, sem acesso a educação, cultura e lazer. Tudo isso por culpa dos desvios de verbas de importância primordial que poderiam reverter esse quadro.
Ao meu amigo Dr. Jadson que hoje iniciou sua jornada de dar nome aos corruptos que estão explorando a viúva, verdadeiros cafetões do dinheiro público cito: Já dizia Sobral Pinto “ A advocacia não é profissão de covardes”.
Aos vereadores Jairo do Sertão, Neto e Professor Ivande quero dizer que vocês deram uma demonstração de capacidade, honestidade, de homens que tem vergonha na cara e não se amedrontam com ameaças covardes de corruptos, isso porque "os cães ladram, mas a caravana passa".
Senhores corruptos da prefeitura de Jeremoabo, temos moral para lhes dizer:  Jeremoabo não é um salão em fim de festa.