Família Montalvao

Família Montalvao

sábado, março 04, 2017

Sem notáveis, Temer reforça ministério de investigáveis

Temer, entre Moreira Franco e Eliseu Padilha: todos na mira da Lava Jato
Com entrada de Aloysio Nunes no Itamaraty, presidente passa a ter cinco ministros investigados no Supremo e pelo menos nove já citados em delações ou planilhas da Odebrecht. Acusações também recaem sobre os líderes do governo
CONTINUE LENDO...

OUTROS DESTAQUES

Leonardo Boff:

A religião como fonte de utopias salvadoras

“Hoje, cansados pelo excesso de racionalidade, materialismo e consumismo, estamos assistindo a volta do religioso e do místico. Pois nele se esconde o invisível que é parte do visível e que pode conferir uma nova esperança aos seres humanos”
1

No erro do Oscar, a perdedora é a reputação da PwC

“O erro no anúncio do filme vencedor do Oscar vai ter um custo muito alto para a empresa PricewaterhouseCoopers. Ainda não se pode mensurar os danos à reputação da consultoria, mas estimativas feitas por analistas avaliam que serão enormes”, preveem colunistas. Veja mais destaques da semana
A ex-primeira-dama teve a morte cerebral e era investigada na Operação Lava Jato

Moro extingue acusações contra a ex-primeira-dama Marisa Letícia

No mesmo despacho, Moro marcou as datas para os interrogatórios dos acusados em uma das duas ações penais a que Lula responde. O ex-presidente vai depor no dia 3 de maio em Curitiba, na sede da Justiça Federal no Paraná
Gabriel Pontes/Congresso em Foco

Filha de deputado é exonerada após denúncia do Congresso em Foco

Apesar de contratada pelo Senado, Bruna Brasil Fraga dava expediente no gabinete do pai, Alberto Fraga (DEM-DF) na Câmara dos Deputados

Executivo da empreiteira Odebrecht diz que delatou campanhas estaduais

Na colaboração de Benedito Júnior, na Lava Jato, há 60 capítulos sobre tema; empresa aponta que não comentará depoimentos prestados em sigilo por determinação do STF

Ação contra Dilma-Temer no TSE dá espaço para separação da chapa