Família Montalvao

Família Montalvao

sábado, março 04, 2017

Não me façam perguntas irrespondíveis...

Resultado de imagem para fotos areia estocada


A casa dos ímpios se desfará,´mas a tenda dos retos florescerá (PROVÉBIOS 14:11


Após a divulgação dos R$ 108.000,00 mil reais  da compra da areia para a Prefeitura Municipal de Jeremoabo, despertou a curiosidade da população e as perguntas começaram a pipocar, onde por antecedência declino que não tenho condições de  decifrar ou informar, talvez FREUD explique.

Vamos algumas das principais peguntas:

1 - Existem um SITE de Paulo Afonso que quase todos os dias anda divulgando que a ex-prefeita candidata sem registro Anabel, sairá candidata a deputada nas próximas eleições; a pergunta: " Será que todo esse dinheirama para compra de areia, não já é juntando para sua campanha eleitoral, já que a Odebrecht não irá mais financiar campanhas?

2 -  Porque com tantos fornecedores de areia em Jeremoabo, só Rogério é o favorito para a prefeitura?

3  -  Aonde foi estocada ou colocada essa areia, se o pagamento está sendo feito agora?

4  -  Sabe-se que o valor da areia foi R$ 108.000,00, pergunta-se, onde será essa areia aplicada, e qual a quantidade da areia em carradas ou metros cúbicos?

Nota da redação deste Blog - No meu entender, Rogério está na dele,, tem sua mercadoria a venda compra quem quer.

Agora, no presenta caso, a responsabilidade maior está sendo dos vereadores da oposição, que tem o dever de responder a população, fiscalizando e apurando os fatos.

Para encerrar citarei um fato concreto do que aconteceu em Jeremoabo.

Quando os vereadores querem tudo é apurado e penalizado os responsáveis.

O ex-prefeito "tista de deda", recebeu recursos para reparos em diversas escolas do municipio, esses reparos foram apenas imagináveis, invisíveis.

Resultado, juntou Pedrinho de João Ferreira, Gordo, Cigarrinha, Lalai e outros vereadores, tiraram fotos dessas escolas, enviaram para o TCM, para o MP e para a Polícia Federal, vieram fiscalizar, abriram um processo que até hoje está andando na Justiça Federal.