Família Montalvao

Família Montalvao

segunda-feira, fevereiro 27, 2017

“Maldição” persegue nove ministros da Casa Civil

xxx
De Dirceu a Padilha, todos os nomeados para a pasta neste século acumulam problemas na Justiça: processos, condenação e até prisões. Em comum entre eles, os fantasmas da Lava Jato. O Congresso em Foco conta a história e a situação de cada um
CONTINUE LENDO...

OUTROS DESTAQUES

”Sistema tem que ser autossustentável”, diz Padilha

Padilha, de solução a problema para Temer

Amigo e homem de confiança do presidente, o atual chefe da Casa Civil foi um dos articuladores do impeachment de Dilma, a quem serviu na Secretaria de Aviação Civil até dezembro de 2015. Na linha de tiro da Lava Jato, sente agora os efeitos da “maldição” do cargo
Jaques Wagner anuncia que agenda do governo está focada em conseguir votos necessários para barrar processo de impeachment

Jaques Wagner e as empreiteiras baianas

Ex-governador da Bahia entrou na mira da Lava Jato por causa de suas relações com gigantes como a Odebrecht e a OAS. É investigado pela suspeita de ter recebido dinheiro dessas empresas para campanha eleitoral e de ter atuado em favor dos doadores
Dilma na entrevista em que explicava a nomeação de Lula na Casa Civil. Ideia causou

Dilma: da “mãe do PAC” ao impeachment

Denúncias referentes ao período em que acumulou a Casa Civil e o Conselho Administrativo da Petrobras aumentaram a pressão nas ruas e no Congresso contra Dilma na Presidência. Mas foi na pasta que ela virou a aposta eleitoral de Lula para sucedê-lo
José Dirceu foi ministro-chefe da Casa Civil no governo Lula

Dirceu: o superministro que foi parar na cadeia

O mais poderoso dos ministros de Lula, em seus primeiros anos de mandato presidencial, sucumbiu com o mensalão. Quando já cumpria a prisão em regime domiciliar, foi pego na Lava Jato. A última condenação é de 20 anos de reclusão