Família Montalvao

Família Montalvao

terça-feira, dezembro 06, 2016

O TRE-BA não iria suspender uma solenidade já programada para julgar recurso de terceira reeleição da candidata sem registro Anabel.

5 de dezembro de 2016 - 20h11

TRE-BA Juiz Marcelo Junqueira se despede do Eleitoral baiano e recebe medalha do mérito eleitoral com palma

Juiz Marcelo Junqueira deixou o TRE-BA e foi homenageado com “Medalha do Mérito Eleitoral”

O juiz Marcelo Junqueira Ayres Filho encerrou o seu biênio como membro efetivo do Tribunal Regional Eleitoral da Bahia (TRE-BA) nesta segunda-feira (05/12). Na ocasião, ele foi homenageado com a “Medalha do Mérito Eleitoral da Bahia com Palma”, oferecida pelo Tribunal como distinção àqueles que tenham contribuído destacadamente para o engrandecimento, eficiência e respeitabilidade da Justiça Eleitoral do estado e do país.
O magistrado deixa vaga uma das cadeiras na Corte destinada à classe dos juristas.  Na solenidade de despedida, Junqueira foi acolhido pelos seus pares, servidores do Órgão, familiares, amigos e autoridades públicas. O presidente do TRE-BA, desembargador Mário Hirs, destacou a atuação do juiz durante os dois anos em que permaneceu no Tribunal. “Ele foi um dos melhores representantes da ordem que já passou por esta casa”, afirmou.
Por unanimidade, àqueles que discursaram e proferiram votos de agradecimento a Marcelo Junqueira, o qualificaram como um juiz simples, prudente, fiel à constituição, sereno e equilibrado emocionalmente para respeitar as opiniões diversas.
Em sua fala, Ruy Nestor, o representante do Ministério Público Eleitoral no TRE-BA, disse que o processo mais difícil na instituição é enfrentar as sessões de despedida. “Doutor Marcelo sempre foi sincero e atuou com honestidade nas divergências durante as sessões, mesmo quando sua tese contrariava a do MPE e a dos outros membros desse Tribunal. Ficamos na expectativa do seu retorno”, avaliou o procurador. 
Quem acompanhou o mesmo entendimento do procurador foi o juiz corregedor do TRE-BA Fábio Alexsandro Costa Bastos, responsável no colegiado por homenagear Junqueira. “Ele inaugurou uma escola, quando mostrou o seu amor ao debate e o respeito às diferenças. Aproveitamos juntos de valores que fortalecem a ideia de justiça”.
DS