Família Montalvao

Família Montalvao

quinta-feira, dezembro 08, 2016

Câmara aprova reforma do ensino médio

x
Texto principal da polêmica Medida Provisória 746 foi aprovado por 263 votos a 106. Sugestões de mudança serão analisadas na próxima terça-feira. Confira as principais alterações feitas pelos deputados ao texto do governo
CONTINUE LENDO...



Autora da ação que afastou Renan por dois dias, Rede diz que STF frustrou opinião pública

Partido diz acreditar que o STF, apesar de “proteger” a Presidência da República de um réu por peculato na própria corte, “acaba por colocar o Senado como um Poder menor, já que ao réu é permitido presidir um Poder, o Legislativo, mas não um outro, a Presidência”
Moro e Aécio se divertem em evento da revista IstoÉ

Lula denuncia à Justiça participação de Moro em eventos com tucanos

Advogados dizem que falta imparcialidade ao juiz. Em vídeo, petista critica membros da força-tarefa da Lava Jato. “Você tem em Curitiba um agrupamento especial de pessoas ungidas por Deus para salvar o mundo. O que aqueles moleques falam de bobagem é muito grande!”, provocou
Renan Calheiros_Fabio Rodrigues Pozzebom/Agência Brasil

Mantido no cargo pelo STF, Renan suspende projeto que amplia casos de abuso de autoridade do Judiciário

Tida como afronta a investigadores, proposta estava pronta para ser votada no Plenário do Senado, mas vai ficar para o próximo ano, quando a Casa terá outra direção. A vitória de hoje de Renan não foi a primeira
Renan não vai precisar deixara presidência do Senado

Renan, sobre permanência no comando do Senado: “O que passou não volta mais”

Sessão foi marcada por críticas à recusa do peemedebista em receber mandado de notificação sobre decisão liminar de Marco Aurélio de Mello, expedida na última segunda-feira. Mesmo assim, 6 ministros votaram contra pedido de afastamento. Leia a nota do senador


Governo também vai mudar cálculopara o valor da aposentadoria

Com a reforma da Previdência, benefício
do segurado ficará menor, pois também entrarão na conta os menores salários

RECUO
Temer altera proposta de reforma para agradar militares