Família Montalvao

Família Montalvao

domingo, novembro 27, 2016

Geddel, o operativo cabo eleitoral de Temer

Ao pé do ouvido: Temer sempre escutou Geddel e deve boa parte de sua trajetória política ao soteropolitano
Um perfil de Geddel Vieira Lima, o parceiro de longa data do presidente. Baiano de língua ferina, ele chegou ao Planalto para exercer um dos cargos mais importantes da República, o de articulador político. Caiu acusado de articulação dos próprios interesses
CONTINUE LENDO...

Manifestantes comemoram demissão de Geddel em frente à casa do ex-ministro; assista ao vídeo

Populares levaram faixas, bandeiras e até megafone neste sábado para o ato. “O Geddei vai ganhar / Uma passagem pra sair desse lugar / Não é de carro, nem de trem, nem de avião / É algemado, no camburão – êta, Geddel ladrão!”, cantaram, em paródia da marchinha “Saca-rolha”
Black friday: Temer recebeu o apoio de tucanos como Aécio Neves (no canto, à direita) no Palácio da Alvorada

Abalado pelo caso Geddel, Temer reúne líderes do Senado em busca da aprovação do teto de gastos

Sentindo a saída do amigo e agora ex-ministro Geddel Vieira Lima, presidente decidiu que ele próprio partirá para a articulação política nos próximos dias. Crise ameaça atrapalhar aprovação da proposta, considerada essencial para os planos do governo
F. Castro_ONU

Temer, sobre morte de Fidel: “Marcou história mundial”; Dilma exalta: “Hasta siempre”!

Presidente e antecessora divulgam notas e ressaltam importância histórica do líder revolucionário. Temer, no entanto, faz ressalva sobre ideologia política. Lula diz ter sentido a perda de um “irmão mais velho”, enquanto FHC aponta os dois lados da moeda
Magnata pode surpreender positivamente, avalia jornalista

Trump pode se sair melhor que a encomenda

“Trump será um Rodrigo Duterte, o iracundo presidente filipino? Ou reencarnará o espírito de Reagan, que, ao lado da ex-primeira-ministra britânica Margaret Thatcher, dominou o cenário mundial dos anos 1980?”


Em vídeo, Bolsonaro comenta morte de Fidel: “Cremar por que, se já está ardendo no inferno”?

Deputados falseiam a realidade ao negar anistia ao caixa dois, dizem especialistas

Crise de Geddel mina candidatura do irmão Lúcio Vieira Lima à vice-Presidência da Câmara


Veja o benefício
de quem tem
de 50 a 65 anos

Trabalhadores com tempo mínimo de contribuição ao INSS podem agendar a aposentadoria para ter mais vantagem