Família Montalvao

Família Montalvao

sábado, outubro 29, 2016

Jeremoabo com essa administração que ai está chegou ao fundo do poço, sem segurança, sem saúde, sem educação e sem emprego.

 Resultado de imagem para voto nao tem preço tem consequencias

Voto não tem preço, mas tem consequências  temerosas como imobilizados estamos assistindo em Jeremoabo, sem segurança. sem saúde, sem educação e sem infraestrutura, o delinquente escolhe quem irá ser assassinado, e qual tipo de carro será roubado.
Nesta semana, uma sequência de roubos e furtos têm assustado os moradores de Jeremoabo e deixado a população em pânico. Comércios, residências e até pessoas foram assaltadas em plena luz do dia.
O pior já esta acontecendo, assassinatos continuados.
"A maior parte das prefeituras brasileiras não tem assumido suas responsabilidades na área da segurança pública. O argumento é o de que o tema segurança seria responsabilidade do Estado. Esta visão, que tem oferecido uma desculpa para explicar a omissão dos gestores municipais na área, se tornou insustentável diante da crise da segurança pública, particularmente em  Jeremoabo, onde a população está com medo e a situação é, de fato, dramática.
A realidade é que em Jeremoabo não existe uma Guarda Municipal.
 Para muitos  estudiosos e pesquisadores brasileiros, as Guardas são um importante recurso à disposição dos Municípios, devendo atuar na prevenção do crime e das incivilidades diárias pelo efeito inibitório de sua presença ostensiva, uniformizada, nas ruas. Quando for o caso, as Guardas também devem contribuir para a responsabilização criminal, efetuando prisões em flagrante, o que é, lembra Soares, “facultado a todo cidadão pelo código de processo penal”.
O povo quis e está colhendo o que plantou, um (des)governo que deixou a cidade acéfala e entregue as baratas.
Inegavelmente, muitas são as causas dessa lamentável realidade, mas normalmente tendemos a depositar integralmente a culpa no sistema eleitoral brasileiro e nos próprios políticos. Mas de onde vêm os políticos? Como são alçados à condição de representantes do povo? Eles não vêm de Marte ou de qualquer galáxia distante. São, sim, pessoas eleitas a partir do nosso voto. "