Família Montalvao

Família Montalvao

quinta-feira, setembro 29, 2016

Lewandowski ainda ousa dizer que o impeachment foi “tropeço na democracia”

Resultado de imagem para lewandowski charges
Charge do Tugi (tugisilveira.blogspot.com)
Deu em O Globo

###
NOTA DA REDAÇÃO DO BLOG
Quer dizer que a culpa dos problemas brasileiros é o excesso de partidos? E a corrupção institucionalizada pelos governos do PT? E os esquemas para perpetuar o partido no poder, como mensalão, petrolão etc.? De toda forma, é preciso reconhecer que Lewandowski está realmente em condições de analisar tropeços democráticos, pois conduziu com maestria o estupro à Constituição no caso do fatiamento da sentença daquela pessoa, cujo nome nem deve ser mais citado, porque já teve seus 15 minutos de fama e deve ser condenada ao esquecimento. (C.N.)

Lula, Dilma, Palocci, Dirceu e Odebrecht arrasaram o governo e o próprio país

Resultado de imagem para Lula, Dilma, Palocci, Dirceu  CHARGES
Charge do Jota A, reprodução do Portal O Dia
Pedro do Coutto

Marcos Valério enfim vai delatar corruptos do Legislativo, Executivo e Judiciário…

Resultado de imagem para marcos valerio homem-bomba charges
Charge do Nani (nanihumor.com)
Tâmara Teixeira
O Tempo

O vazio das eleições municipais

http://2.bp.blogspot.com/_obS0fEZAONc/SQx9_424-rI/AAAAAAAABu4/-JSku6VrN7U/s400/charge+elei%C3%A7%C3%B5es.jpg
Charge do Duke (dukechargista.com.br)
Carlos Chagas 

Lula e Marisa foram citados e têm dez dias para contestar a acusação da Lava Jato

Resultado de imagem para Lula e marisa leticia charges
Charge do Sponholz (sponholz.arq.br)
Deu em O Globo

Polícia Federal abre novo inquérito sobre propinas da Odebrecht em 38 obras

Odebrecht
Departamento de propinas era o setor mais atuante da empresa
Deu em O Tempo
Agência Estado

Sem foro privilegiado, Cunha será julgado em Brasília junto com Esteves, do BTG

Resultado de imagem para cunha e andre esteves
Esteves doou R$ 500 mil para a campanha de Cunha em 2014
Gabriel Mascarenhas
Folha
###
NOTA DA REDAÇÃO DO BLOG – Fernando Brito, do blog Tijolaço, lembra a notícia do nosso amigo Fernando Molica, em O Dia, edição de 12 de outubro passado, que só a memória implacável dos 79 anos do professor Nílson Lage recordaria: “Dono do BSI, banco suíço em que Eduardo Cunha também teria conta, o banco brasileiro BTG Pactual doou, em 2014, R$ 500 mil para a campanha do hoje presidente da Câmara dos Deputados. A existência da conta foi revelada pelo Ministério Público suíço. Segundo relatório de Cunha apresentado ao TSE, a doação ocorreu no dia 11 de agosto. O dinheiro foi entregue pelo BTG ao PMDB, que o repassou para a campanha do deputado. Em 14 de julho, 28 dias antes, o banco brasileiro anunciara a assinatura de acordo para a compra do BSI”. (C.N.)

Polícia Federal avança sobre desembargadores que vendiam sentenças no Ceará

Resultado de imagem para justiça corrupta  CHARGES
Charge do Kemp, reprodução do humortadela.com.br
Fabio Serapião
Estadão

Relator do TCU pede rejeição das contas de Dilma por causa das pedaladas

Charge do Moisés, reprodução do Arquivo Google
Fábio Fabrini
Estadão