Família Montalvao

Família Montalvao

segunda-feira, agosto 22, 2016

Na presidência do STJ, Francisco Falcão, viajou 4,5 meses em apenas dois anos

BRASILIA, DF, BRASIL, 04-09-2014, 15h: Presidente do Superior Tribunal de Justiça (STJ), Francisco Falcão, durante entrevista à Folha no local onde será montado seu novo gabinete. (Foto: Sergio Lima)
Acusado na Lava Jato, Falcão pouco frequenta o STJ
Frederico Vasconcelos
Folha
###
NOTA DA REDAÇÃO DO BLOGAlém dessas viagens pagas pelos cidadãos, Falcão pediu dois meses de licença, a partir de 1º de setembro, alegando férias não cumpridas. Denunciado por Delcídio Amaral na Lava Jato, por participar ativamente do complô armado com Dilma para libertar Marcelo Odebrecht e outros empreiteiros, Francisco é filho de Djaci Falcão, que conseguiu nomeá-lo para o STJ sem ele nunca ter sido juiz. Sua atuação mostra a falência da Justiça brasileira. (C.N.)

Por causa de Toffoli, procurador Janot suspende a delação premiada da OAS

Janot decide, pela primeira vez, suspender uma delação
Jailton de Carvalho
O Globo
###
NOTA DA REDAÇÃO DO BLOGA decisão de Janot é estranha e claramente visa a proteger Toffoli e o Supremo. O vazamento da Odebrecht foi muito mais grave, porque comprova as negociações de compra e venda de MPs e mostra o envolvimento de Lula, Dilma, Mantega e do atual ministro Dyogo de Oliveira, que operava a corrupção. A balança da Justiça de Janot parece ter dois pesos e duas medidas. (C.N.)


Espera-se que Temer e Meirelles demitam imediatamente o ministro do Planejamento

Meirelles nomeou Dyogo, que operava a “venda” de MPs pelo PT
Carlos Newton

Por que escolher o menos pior?

Charge reproduzida do Arquivo Google
Carlos Chagas

Procuradoria pede que deputada cassada seja demitida da direção do Ibama

Temer errou ao nomear Vanessa, cassada por abuso de poder
Mateus Coutinho e Julia Affonso
Estadão