Família Montalvao

Família Montalvao

segunda-feira, agosto 01, 2016

Mercenários do jogo da politicagem

 

 Mãe é a jóia mais rara que os filhos possuem, pena que muitos somente descobrem isto quando perde ela. 

A Política é, acima de tudo, um sacerdócio: o respeito fundamental ao cidadão. (Paiva Netto).
Ao deparar-me com a atual situação de alguns apoiadores de pré-candidatos a prefeito em Jeremoabo, lembrei-me da  citação do filme “O Padrinho” [tradução livre]:
"Fredo és o meu irmão mais velho e eu amo-te. Mas nunca mais fiques do lado de alguém contra a Família. Nunca mais."
Esse título também me fez lembrar das palavras de Carminha de João Ferreira. 

 
.Como se expressa Carminha,  " Além disso, eu e a maioria da família não concorda, pois temos é que preservar nossos maior tesouro que ainda temos, que é a nossa mãe."
A Carminha como mãe que também é, sabe o valor insubstituível de uma mãe,  que "amamos as nossas mães quase sem o saber e só nos damos conta da profundidade das raízes desse amor no momento da derradeira separação".
Qualquer pessoa normal, que esteja  em pleno gozo das suas faculdades mentais, ao observar as duas primeiras fotos, observará que naquele conluio, a cidadã Dalva não passa de " uma estranha no ninho". 
Enquanto os demais de forma insensata zombam da inteligência de toda a população de Jeremoabo, ela permanece séria, com fisionomia até de constrangida. 
A idade é algo que não temos como mudar o seu curso.
Como frisou acima Carminha, sua mãe além de não ter tempo, não tem saúde, para se lançar em aventuras.
No meu entender, a saúde e a vida está acima de qualquer cargo, de qualquer vaidade e de qualquer oportunismo.
Pergunto ao povo de Jeremoabo: o que esperar de certos elementos que não valorizam a sua própria mãe,  mesmo sabendo que a mesma devido a idade não tem saúde para se lançar em aventuras, em maratonas nocivas a saúde, correndo até risco devida?
Quem entende que um cargo político, um emprego, vale mais do que a integridade física da genitora, é de se esperar o que?
Esse é mais um motivo, para o eleitor na hora de confirmar o voto, saber em que espécie de gente está votando, está confiando o seu futuro. 
Para encerrar digo que trinta moedas de prata foi o preço pelo qual Judas Iscariotes traiu Jesus.