sexta-feira, agosto 19, 2016

Lalai o primeiro vereador de Jeremoabo a denunciar os improbos que dilapidaram o Município de Jeremabo

Prédio do PETI onde gastaram uma fortuna com telhas de Cerâmica Colonial???
[Sertanejo+004.jpg]


Foi com alegria que assisti hoje o candidato a Vereador Lalai, anunciando a todos os eleitores de Jeremoabo, o lançamento da sua candidatura.
Quem conheceu a atuação de Lalai na época em que exerceu o mandato como edil, deverá ter sentido falta de um candidato que soube fazer oposição com coragem responsabilidade.
Talvez muitos não lembrem, porém foi Lalai quem denunciou as malandragens do PETI, quando ainda era instalado no prédio do Sertanejo.
Foi Lalai quem denunciou a falcatrua no Posto Telefônico do Itapicuru, onde gastaram naquele pequeno posto, cimento que daria para calçar todo o Bairro do São José ou mesmo do Romão e ainda sobraria cimento.
Lalai como vereador juntamente com Gordo e empurrando Pedrinho, abriram a Caixa Preta da Prefeitura de Jeremoabo, conseguindo denunciar e presentear 'tista de deda" com mais de cem processos, na sua maioria em andamento na Justiça Estadual de Jeremoabo, bem como na Justiça Federal.
Lalai como vereador teve coerência, não se vendeu, continuou na oposição, mesmo que para isso tivesse que pagar um preço muito alto, já o Pedrinho de João Ferreira, resolveu comer no prato que antes tinha cuspido, aliás, ainda continua do lado que tanto ele havia denunciado e condenado.
Será que tudo que o Pedrinho denunciou foi mentira, será que foi calúnia, ou será que foi o Pedrinho que aderiu ao lado errado?
Foram inúmeras as denúncias contra a corrupção na prefeitura de Jeremoabo, todavia, para encerrar, citarei mais uma, a Câmara Frigorífica de Jeremoabo, que o dinheiro sumiu, porém a câmara, ninguém sabe, ninguém viu.
Deri está com uma equipe de candidatos a vereadores que se eleitos forem, acredito que não decepcionarão seus eleitores, nem tão pouco serão omissos e coniventes com maracutaias, que saberão honrar o voto recebido, a começar pelo candidato Lalai
Encerro dizendo, acorda povo de Jeremoabo, errar é humano, agora permanecer no erro é burrice.