Família Montalvao

Família Montalvao

quarta-feira, agosto 24, 2016

Congresso aprova texto-base da LDO com teto para gastos públicos e rombo de R$ 139 bilhões

congresso_magela
Proposta que estabelece diretrizes para a elaboração do orçamento de 2017 prevê crescimento de 1,2% para o PIB, taxa de juros de 13,1%, inflação de 6% e dólar médio de R$ 4,40. Parlamentares ainda vão analisar destaques que podem alterar o texto principal
Continue Lendo...
 
Afreni Gonçalves é suspeito de envolvimento no esquema que desviou R$ 4,5 de empresa pública para pagar campanhas eleitorais

PF prende presidente do PSDB de Goiás e faz buscas na sede do partido

Operação Decantação investiga o desvio de R$ 4,5 milhões em recursos federais a partir da empresa de saneamento de Goiás (Saneago) para pagamento de propinas e dívidas de campanhas políticas

Jogos olímpicos e jogo político – O legado negativo no pódio da Rio 2016

“Para além das 19 medalhas e do 13º lugar geral que conquistamos, reveladores de que a massificação poliesportiva do país se dá em passos lentos, é preciso colocar algumas questões no pódio das nossas preocupações”
Lei de Diretrizes Orçamentárias inclui teto de gastos da União

Congresso inicia votação da Lei de Diretrizes Orçamentárias; oposição mantém obstrução

Há 16 destaques à proposta, que vai orientar a elaboração da proposta orçamentária do próximo ano. Texto estabelece deficit primário de R$ 139 bilhões como meta fiscal do governo em 2017
Matéria é mais uma das inúmeras que foram judicializadas nos últimos meses

Deputados ameaçam ir à Justiça contra proposta que limita gastos da União

Principal instrumento da equipe econômica para o ajuste fiscal – com limite de gastos da União com base na inflação por 20 anos – é considerado inconstitucional por deputados de vários partidos, inclusive governistas. Parlamentares apontam desequilíbrio e risco à independência entre os Poderes
 

Saiba quem tem chances de manter o benefício no pente-fino do INSS

O governo vai revisar auxílios-doença e aposentadorias por invalidez pagos pelo INSS há mais de dois anos

Jennifer Lawrence é a atriz mais bem paga Morador improvisa lâmpada em rua sem iluminação pública em Guarulhos Aluna da Etec Parque da Juventude se serve de merenda
Veículos passam por asfalto sem sinalização em rua em Moema Gabriel Jesus durante o treinamento do Palmeiras Jogadores do Corinthians durante o treinamento da equipe

 
Mesa afastada

Auditores do TCU pedem cassação de investigados na Câmara do DF

Cinco deputados são citados em esquema; Polícia Civil fez apreensões

Por Mateus Rodrigues - Do G1 DF - 24/08/2016 - 04:43:57
A União dos Auditores Federais de Controle Externo do Tribunal de Contas da União (Auditar) informou nesta terça-feira (23) que vai pedir a cassação dos deputados suspeitos de envolvimento em um esquema de propina na Câmara Legislativa do Distrito Federal. A nota não detalha nomes, mas cita o afastamento dos integrantes da Mesa Diretora da Casa, determinado pela Justiça.


A entidade afirma que vai protocolar representação pedindo a abertura imediata de processo de perda de mandato, com base em condutas "frontalmente incompatíveis com a ética e o decoro parlamentar". Pelo regimento da Câmara, o pedido precisa passar pela Mesa Diretora e pela Corregedoria antes de chegar à Comissão de Ética. Leia mais
 

Cúpula do PT rejeita apoio a proposta de Dilma de fazer plebiscito

Decisão da Executiva Nacional expõe atrito entre partido e presidente afastada
Julgamento do impeachment no senado
,

PF e TSE iniciam investigação preliminar de doações eleitorais

Movimento de aeronaves em Cumbica – Eduardo Anizelli - 6.set.2015/Folhapress transporte

Temer corta programa que previa ampliação de aeroportos regionais

Governo interino mantém obras em apenas 53 de 270 terminais incluídos em plano de Dilma

Caatiba: Prefeito e vice são afastados por fraudes em verbas da educação

Caatiba: Prefeito e vice são afastados por fraudes em verbas da educação
Foto: Reprodução / Blog do Anderson

Bom Jesus da Lapa: Prefeito é punido por gastos irrazoáveis em situação de emergência

Bom Jesus da Lapa: Prefeito é punido por gastos irrazoáveis em situação de emergência
Foto: Reprodução / Barreiras Notícias

Após um ano preso, Fernando Baiano não tem dinheiro para pagar condomínio

Após um ano preso, Fernando Baiano não tem dinheiro para pagar condomínio
Foto: Reprodução / Gazeta do Povo