Família Montalvao

Família Montalvao

quarta-feira, junho 15, 2016

Procuradores da Lava Jato querem denunciar Lula

lula ricardo stuckert2
Segundo o Globo, integrantes da força-tarefa da Lava Jato avaliam ter elementos suficientes para denunciar o ex-presidente em ao menos três das seis frentes de investigação abertas contra o petista. Defesa vai recorrer para que processos continuem no STF
Continue Lendo...

Base de Temer ignora depoimento de segunda testemunha pró-Dilma

Justiça amplia direito ao plano
de saúde para
os aposentados

É possível até manter o plano de saúde para quem pagou apenas valores de coparticipação enquanto trabalhava

A modelo Karuliny Malta é grande aposta Muro da Emei Roberto Victor Cordeiro, em Arthur Alvim (zona leste), está torto Pedestres agasalhadas na região do largo do Socorro
O gerente Luciano Alves mostra esgoto a céu aberto Passageiros andam nos trilhos perto da estação Jaraguá, após falha Tchê Tchê dá entrevista após o treinamento

MULHER DE 21 ANOS

Interlocutores de Temer tentam reforçar o discurso de que o tema pertence ao Legislativo, mas admitem que há receio do "poder explosivo" do presidente afastado da Câmara, cuja cassação foi aprovada pelo Conselho de Ética
impeachment de Janot

Renan indica que pode aceitar impeachment de Janot

'Já arquivei cinco pedidos de impeachment contra Janot, esse vou avaliar', afirma Calheiros

Estadão conteúdo - 15/06/2016 - 08:46:06
O presidente do Senado, Renan Calheiros (PMDB-AL), deu a entender que não rejeitará de pronto um pedido de impeachment contra o procurador-geral da República, Rodrigo Janot, que foi protocolado nesta segunda-feira, 13, no Senado. "Nos últimos meses, já arquivei cinco pedidos de impedimentos do procurador-geral da República, eu entendi que as petições eram ineptas. Essa, eu vou avaliar", disse.


O pedido foi feito por duas advogadas ligadas ao movimento pró-afastamento de Dilma Rousseff. Elas argumentam que Janot deu tratamento diferenciado a políticos do PT e do PMDB que estariam envolvidos em "situações análogas" na Lava Jato. Leia mais

Para Janot, Temer montou ministério para barrar Lava Jato

Operação Lava Jato

Jornal de brasília - 15/06/2016 - 06:15:01
O procurador-geral da República, Rodrigo Janot, diz acreditar que o presidente em exercício Michel Temer (PMDB) montou o seu ministério com o objetivo de colocar um freio nas investigações da Operação Lava Jato. 

Trechos do pedido de prisão do presidente do Senado, Renan Calheiros (PMDB-AL), do senador Romero Jucá (PMDB-RR) e do ex-presidente José Sarney (PMDB-AP) enviado por Janot ao Supremo Tribunal Federal demonstram essa interpretação. Leia mais
 
Edson Fachin

STF abre inquérito contra 4 senadores: Renan, Jucá, Raupp e Barbalho

Prisão de autoridades

Jornal do Brasil/Com Agência Brasil - 14/06/2016 - 23:57:59

O ministro do Supremo Tribunal Federal (STF) Edson Fachin determinou abertura de inquérito para investigar quatro senadores do PMDB: o presidente do Senado, Renan Calheiros (AL), Romero Jucá (RR) Valdir Raupp (RO) e Jader Barbalho (PA). Leia mais


Nazaré: TCM determina representação no MP-BA contra prefeito por suposta improbidade

Nazaré: TCM determina representação no MP-BA contra prefeito por suposta improbidade
Foto: Reprodução / Bahia no Ar


Distribuição de cargos para PSDB
é plano contra Lava Jato, diz Janot

Marina Silva e seu então candidato a vice, o empresário Guilherme Leal, na campanha eleitoral de 2010 – Danilo Verpa - 17.mai.10/Folhapress

É mentira deslavada, diz vice de Marina sobre caixa dois em 2010

Há desejo de dizer que todo mundo é corrupto, afirma o empresário Guilherme Leal à Folha
 


'Se Lula nada deve, não tem o que temer – afinal, ao contrário do que o ex-presidente imagina, a Lava Jato só age conforme a lei. Sérgio Moro já proferiu 105 condenações, e raras foram as que acabaram revertidas em tribunais superiores. Portanto, o chefão petista terá todas as condições de mostrar que quando diz ser o homem 'mais honesto deste país' não está apenas roncando grosso.' Leia mais no nosso editorial. ‪#‎estadao‬
opiniao.estadao.com.br

FOTO E COMENTÁRIO DE Heraldo Lago Ribeiro
A Rua da Misericórdia em 1926.Do lado esquerdo vê-se o predio do antigo Forum,uma construção neoclássica da mesma época em que foi construida a Biblioteca Pública que,com a demolição da mesma,entrou tambem no corte.Aí funcionou o Forum até o ano de 1949,quando construiu-se o Rui Barbosa.
Ao fundo,a Igreja da Sé,tambem demolida em 1933.Os predios do lado direito ainda permanecem no local e passaram por uma reforma há alguns anos.